Concentração mineral no beneficiamento: o que é, quais as principais técnicas

O que é o beneficiamento mineral?

Antes de tudo, é imprescindível falar sobre o beneficiamento mineral, também conhecido como tratamento de minérios, que consiste em operações, cuja finalidade é de alterar a concentração relativa das espécies minerais, isto é, aumentar o teor dos minerais importantes, sem modificar suas identidades químicas ou físicas. Este conjunto de operações é primordial atualmente, uma vez que a demanda industrial por minérios tem crescido, tornando essencial a aplicação de técnicas que possibilitem o aproveitamento máximo do minério. 

A concentração mineral e o tratamento de minérios

Agora que o conceito de beneficiamento mineral está bem elucidado, é muito mais simples compreender a concentração mineral, visto que ela é uma etapa do dito conjunto de operações. A concentração mineral corresponde à seleção dos minerais desejáveis e à eliminação dos que não são interessantes. 

Para que este processo seja realizado, é necessário que os minerais de interesse não estejam fisicamente agregados aos indesejáveis, e é por isso que outra etapa do tratamento de minérios também se revela como de grande importância: a fragmentação, que consiste na diminuição da granulometria da amostra e cujo objetivo é a liberação dos minerais importantes dos outros. Ademais, vale ressaltar que é indispensável que haja uma diferença física ou físico-química entre o mineral de interesse e os demais. As propriedades mais utilizadas neste âmbito são a diferença de densidade e a diferença de susceptibilidade magnética, que é o grau no qual uma substância pode ser magnetizada. 

Como a concentração mineral é realizada?

Como foi dito anteriormente, a concentração mineral é feita quando se deseja recuperar os minerais úteis contidos em um minério. Assim sendo, é importante esclarecer como este processo é realizado. Então, há a separação das espécies de interesse, e isto ocorre em sistemas dinâmicos: a resultante das forças concede trajetórias diferentes para cada partícula. Eventualmente, torna-se possível separá-las a partir de propriedades diferenciadoras. 

Haja vista que são vários os processos para a concentração mineral, é substancial evidenciar que a escolha do melhor método depende totalmente das propriedades do material de interesse. 

Quais são as técnicas utilizadas?

Aqui abaixo são citadas algumas das técnicas utilizadas para a concentração mineral.

  • Flotação: é uma técnica que utiliza reagentes que tornam as superfícies das partículas hidrofóbicas ou hidrofílicas, a fim de que elas afundem ou flutuem. Salienta-se que, nesta técnica, as características das partículas não são essenciais para que a separação ocorra.
Uma imagem contendo ao ar livre, barco, água, edifício

Descrição gerada automaticamente
 Flotação. Fonte: Reprodução. 
  • Separação gravítica: é a separação de partículas baseada na diferença de densidade, tamanho e forma delas, por meio da ação da força gravitacional ou de forças centrífugas. Neste caso, a técnica é mais utilizada para separar partículas de granulometria alta.
  • Separação magnética: é um método que utiliza a suscetibilidade magnética dos materiais para realizar a separação, submetendo-os a um campo magnético, o qual pode ser natural ou induzido. Aqui, é possível dividir os minerais em diamagnéticos, sem intensidade magnética, paramagnéticos, com média ou baixa intensidade magnética, e ferromagnéticos, com grande intensidade magnética.
  • Lixiviação: este processo corresponde à dissolução seletiva por intermédio da aplicação de ácidos, bases ou agentes complexantes. Em outras palavras, o minério é extraído ou deslocado a partir deste método. Este método é mais utilizado para minérios de baixo teor e/ou para quando existe alguma dificuldade na retirada ou no transporte do minério. 

Em síntese, a concentração mineral é uma etapa de extrema importância para o beneficiamento, uma vez que visa aumentar o teor dos minerais de interesse da amostra. Vale frisar que a recuperação, isto é, a medição da quantidade de elemento valioso que foi obtido no processo de concentração do minério e a pureza, que é o teor do elemento presente no minério, são cruciais para um bom processo de tratamento de minérios. 


Gostou de conhecer mais um pouco sobre concentração mineral no beneficiamento? Espero que sim! Caso tenha tido alguma dúvida ou queira conversar conosco, pode entrar em contato.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *