Reservas de petróleo pelo mundo: Qual a sua importância?

Antes de falarmos especificamente das reservas de petróleo espalhadas pelo mundo, você já se perguntou sobre como é formado o petróleo e qual a sua importância? Enfim, estamos aqui hoje para te contar um pouco sobre esse recurso natural, suas reservas e os seus impactos pelo mundo.

O que é o petróleo?

O petróleo é um composto orgânico de origem fóssil, sua formação se dá quando grandes quantidades de organismos mortos, principalmente zooplâncton e algas, são enterrados sob rochas sedimentares e submetidos a calor e pressão por períodos prolongados. Acredite, o petróleo é bastante antigo. Através dele, produzimos alguns combustíveis como o diesel, gasolina, querosene, entre outros. Ou seja, o petróleo é uma das principais fontes de energia utilizado na produção de bens industriais, tendo uma grande dependência no desenvolvimento econômico da sociedade, promovendo grandes influências geopolíticas.

 Petróleo. Fonte: Reprodução. 

Segundo os dados divulgados pela BBC, o petróleo continua sendo a principal fonte de energia utilizada mundialmente, por mais que tenhamos energias renováveis com grande potencial de substituição desse recurso natural, ainda assim, continuamos dependentes dele. No ano de 2019, foi o período em que mais foi consumido petróleo comparado com qualquer outro ano na história. De acordo com os dados apurados pela IEA (Agência Internacional de Energia) foram utilizados mais de 99,7 milhões de barris de petróleo por dia.

Diante das informações relatadas fica claro a grande importância que o petróleo tem para a comunidade. Pois ele é considerado um recurso básico da sociedade industrial, sendo responsável por 37% da produção energética, entre os quais o setor de transporte, e as indústrias químicas os principais segmentos que utilizam o petróleo. 

Onde estão as reservas de petróleo?

Bom, já entendemos que se utiliza bastante o petróleo, se tornando parte de nossa rotina diária, estando presente em diversos produtos ao nosso redor. Porém, em quais locais se armazena todo esse petróleo? Eles estão localizados nas reservas petrolíferas dos países que produzem esse recurso natural.

C:\Users\saulo\Downloads\h1.png
 Gráfico. Fonte: IBP com dados BP. 

Diante do último levantamento realizado pela OPEP (Organização dos Países Exportadores de Petróleo) em 2020, o mundo conta com uma reserva total de 1.732 bilhões de barris desse recurso. Vale ressaltar, que os critérios propostos para que essas reservas sejam comprovadas, compõem uma série de análises e estimativas econômicas em relação aos desenvolvimentos dos respectivos reservatórios.

De acordo com a lista das maiores reservas de petróleo, nós temos a Venezuela liderando essa relação. Um país da América do Sul, vizinho do Brasil que possui cerca de 303.8 bilhões de barris, sendo detentor de 18% de todas as reservas de petróleo que foram comprovadas. No entanto, petróleo não é sinônimo de riqueza. Pois, o país enfrenta uma crise econômica que vem abalando diversas camadas da população.

Logo em seguida nós temos a Arábia Saudita. Um país localizado no Oriente Médio, sendo detentor 297.5 bilhões de barris, abrangendo 17% do total de reservas petrolíferas provadas. Além disso, vale ressaltar que as maiores reservas de petróleo do mundo estão localizadas no Oriente Médio, correspondendo a quase 50% das reservas mundiais. O gráfico acima descreve bastante a predominância da península arábica..

Os Estados Unidos também estão entre os principais países com as maiores reservas de petróleo no mundo, possuindo 4% das reservas totais provadas de petróleo. No entanto, vale destacar que a sua produção não suporta todo o consumo do país, ocasionando algumas intervenções geopolíticas com objetivos de obter melhores acordos comerciais para atender as necessidades da nação. Além disso, em 2021, o país divergiu em alguns fundamentos da OPEP, liberando algumas reservas estratégicas com a finalidade de se tornar mais competitivo no mercado perante os grandes players.

Enfim, o Brasil aparece na lista em 16º colocado, correspondendo a 1% das reservas mundiais. Porém, vale ressaltar, que o país registrou um aumento de 11% de suas reservas petrolíferas em 2021, segundo a Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). 

O petróleo vai acabar no futuro?

Obviamente, não há uma resposta definitiva para essa pergunta, mas existem informações gerais que tenham alguma relevância para possíveis respostas.

A resposta curta é que o mundo provavelmente não ficará sem no curto prazo.

O médio e longo prazo, a extração e utilização de usar recursos (e reservas) de petróleo pode levar em consideração alguns destes fatores-chave: 

Produção e demanda de petróleo ao longo do tempo; 

Descoberta de recursos petrolíferos recuperáveis, podendo ​​aumentar o potencial de conversão desses recursos em reservas provadas;

Se os gráficos anuais de reservas comprovadas estão em tendência de queda, tendência de alta ou estáveis. As reservas comprovadas podem mudar de ano para ano à medida que mais recursos recuperáveis ​​são convertidos em reservas;

Nova tecnologia e processos de mineração/extração, podendo ajudar a acessar recursos que antes não eram acessíveis ou extrair recursos de uma maneira mais economicamente viável.

Podemos dizer que, se as reservas estão se mantendo estáveis ​​ou aumentando ano a ano, a menos que haja problemas na cadeia de suprimentos, o petróleo não corre o risco de acabar. Se as reservas estiverem com tendência de queda ao longo de um período, o oposto pode ser mais preciso

Ficar sem recursos é diferente de países e regiões individuais que não têm acesso a recursos ou não têm oferta suficiente para atender à demanda. Há uma diferença entre haver recursos petrolíferos disponíveis para extração, poder acessá-los fisicamente e extraí-los de forma economicamente viável, produzir recursos petrolíferos e trazê-los para o mercado.

É possível que globalmente haja petróleo suficiente sendo produzido para atender à demanda, mas países individuais podem enfrentar déficits de oferta por vários motivos.

De todo modo, existe uma grande estimativa que o petróleo acabe num futuro, promovendo grandes mudanças nas escalas energéticas do mundo. 


Gostou do conteúdo da semana? Espero que sim! Caso tenha tido alguma dúvida ou queria conversar conosco, pode entrar em contato.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *